Vamos de nude?

Cheguei na firma e percebi que não tinha um batom “backup” na bolsa (pois mudei de bolsa) e isso foi, na verdade, um presente pois acabei “resgatando” um batom nude que amooooooo e que estava meio esquecido na mesinha do trabalho. Me esqueci como esse batom (da Eudora, o Soul Kiss Me-Mate Nude Autoral) é lindo! E como a cor nude sempre deixa a gente mais fina, elegante e sincera 😉 

Vamos de nude hj? 

E que tal resgatar as maquiagens esquecidas na gaveta, no escritório, na bolsa, no banheiro…. A sensação que tenho é de achar dinheiro esquecido no bolso da calça! 

Beijos!!!!!

Advertisements

Parar um pouco é tão bom!

O ritmo de trabalho, rotina, internet…. consomem a gente e a gente permite que isso ocorra. 

A cada dia admiro ainda mais quem realmente consegue parar, respirar fundo no meio do furacão. 

Fui ao Brasil para cobrir uma conferência na semana passada, mais precisamente no Rio de Janeiro. 

Em um dos dias, consegui sair do trabalho a tempo de ver o pôr do Sol na praia. Foram minutos maravilhosos que vou fazer de um tudo para serem vivenciados novamente, e novamente e novamente. 

Fica aqui o registro para vcs! 


( Fotos tirada na Praia da Barra-em frente à Barraca do Pepê/ Posto 3)


E essa da vista do hotel ( Hilton Barra) para a Pedra da Gávea.

Tacos …pura alegria 

Já comentei aqui que moro numa cidade com uma diversidade maravilhosa! Encontro de comida grega à indiana, brasileira à mexicana com uma facilidade incrível. E hoje foi dia de tacos!! Que comidinha simples, deliciosa e alegre, né?

Meu marido meu levou numa taqueria antiga aqui de Houston e foi uma experiência gastronômica fantástica.  Tacos são ótimos pra crianças ( fácil de fazer) e pode ser adaptado também na versão vegetariana com alface e outras verdurinhas no lugar da tortilla e carne. Mas como eu adoro um torresminho escolhi o de chicharrones, língua e barbacoa e tomei uma orchata 🙂 ( leite, água, açúcar, canela e gotinhas de baunilha)

Adoro comida mexicana/ Tex-Mex. Deixo aqui umas fotos de inspiração  🌮  Que saudade que me deu do México 🇲🇽 

Gel de Caracol 🐌 

Gel de caracol! Direto da Ásia para minha casa!

Então… tirei esse fim de semana para experimentações de beleza. Amo esses momentos!

Minha amiga que mora em Cingapura veio à Houston e trouxe um presente pra mim: um pote enorme de gel de caracol.  O uso desse gel está bem famoso por aqui, mas nem todos têm coragem de usar. Imagine passar a secreção desse bicho molengo no rosto?

Diz que um grupo de cientistas estava fazendo pesquisa com caracóis. Um dos pesquisadores tinha um corte na mão e percebeu que nas idas e vindas do caracol, o ferimento sarou muito mais rápido. Daí, iniciaram as pesquisas com esses moluscos, usando a gosma deles como elemento principal.

A textura desse meu é igual de gel de cabelo. O aroma é bem leve, quase não se sente

 

O meu é da Coréia do Sul (o paraíso dos cosméticos exóticos e eficazes). Ele parece com gel de cabelo, ou seja, não tem nada de mais. Basta limpar o rosto e pescoço ( ou o corpo inteiro) e passar o gel como um creme mesmo. Um pouquinho rende muito! 

No meu caso, esfoliei meu rosto com açúcar e um sabão líquido para rosto e enxaguei. Em seguida, passei o gel. Seca bem rapidinho. Não brilha nem nada. Dá pra passar maquiagem por cima numa boa.

Lista de ingredientes


Há trés dias venho passando a gosminha e não tenho nenhuma reclamação. Sinto minha pele mais macia e dizem que ele ajuda a cicatrizar machucadinhos e espinhas, além de acalmar a pele. 

Se vocês tiverem a oportunidade de comprar, acho que vale a pena 🙂

Personagens

Adoro perceber, observar as pessoas. Uma das atividades que adorava fazer quando morava em BH era ir em pastelarias do centro ( amoooo pastel frito!!!) e, ao comer, olhar as pessoas ao meu redor.

Gente, sério, geralmente me emociono ao ver as pessoas comerem. Eu acho que comer é um ato tão humilde, sabe? Ainda mais um pastel frito com caldo de cana-antes de pegar o ônibus, ir pro serviço, escola…. ou o almoço do dia.  Na discrição, você olha e contempla o simples. É muito bom.

E foi observando que escrevi e “descobri” personagens de BH riquíssimos de vida e história. Esse hábito já me rendeu muitas matérias bacanas e inesquecíveis.

E como é um hábito, continuo do mesmo jeito. Observando. E foi assim que vi esse personagem de Nova York, dentro da Grand Central Station. Foi uma  cena imperdível. Claro que tivexque parar e bater um papo.

O nome dele é Louis Mendes e é fotógrafo de rua “desde antes do meu pai nascer” como ele mesmo descreveu. E com um sorriso orgulhoso de canto de boca disse “coloca meu nome no google”. E pá! Tem um bocado de links com ele mesmo e até um curto documentário. Curiosa, perguntei porque o Mendes dele era com S (e não com Z) porque vi alí uma ligação com o nosso português. E pumba!!! O pai dele era de origem portuguesa… Mas ele só falava inglês, reforçou.

Louis me deu altas dicas de como usar minha câmera para ganhar um din din extra e também dicas de luz.

Com sua câmera antiga e cheia de histórias, o deixei. Não fiz foto com ele pois estava sem grana na hora, mas fiz uma foto dele. Adorei!

Valeu Louis!

img_1831

Fiz essa foto primeiro. Aí ele me disse: vc tem que aproveitar melhor a luz do ambiente. “Faz outra agora nessa posição” e me indicou qual lugarveu deveria ficar. O resultado é foto abaixo:

img_1834

Mais luz! Usei a iluminação do lustre para melhrar a claridade da foto.

 

Voltando..3,2,1

 

img_1768

Contemplando a paisagem: Central Park, 2017

Oieeeeeee! Depois de um longo inverno sem escrever aqui…A boa filha à casa torna. Que alegria!!

Tudo bem com vocês?

A correria está intensa é pra todo mundo mesmo? Sério: estamos ainda no início de fevereiro mas a minha sensação é de estar em Junho. De tão punk que está sendo.

img_1823

Saborear um cafezinho: com calma

Escrevo  porque  em 2017 minhas resoluções foram todas imateriais. Foram existencialistas, digamos. Entre as poucas mudanças que decidi alcançar e me esbaldar em 2017 estão: me dedicar ao que realmente gosto de fazer: escrever aqui, escutar músicas ( até isso tá complicado!!) e aprender a meditar. Acostumar com o silêncio e, assim, ficar menos nervosa e ansiosa com a vida. E contemplá-la. Fazer 30 minutos de caminhada por dia e acordar mais cedo ( leia-se 5 da manhã). Entre outras tão importantes quanto.

Então, voltemos ao DicasIngriveis 2017 com muita energia boa!!! E dicas imperdíveis 😉

img_1889

Perceber a Arte que nos rodeia. Sempre.